Follow by Email

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Passando rapidinho pois tenho uma super novidade para compartilhar...
sou uma das ganhadoras do Concurso Cultural da Risqué Tenho que Ter
e adivinhem só, minha coleção outono inverno/2012 vai ficar completinha :)
Ontem recebi o email informando que meu prêmio já foi postado nos
correios... adorooo ganhar presentes, mas ganhar esmaltes me deixa
hiper, mega feliz (rsrsrs). Assim que receber os esmaltes, vou postar
foto de todos.


sábado, 21 de abril de 2012

Safira / Realce / Eliana

Até poucos dias atrás não conhecia as marcas Safira e Realce e acreditem se
quiser, fui encontrar estas marcas numa lojinha lá no Mercado Central (BH).
Ainda não usei todos os esmaltes, mas aos poucos vou postando as fotos aqui
no blog.
A marca Eliana eu já conhecia e acabei adquirindo mais alguns vidrinhos da
linha Super Pérola, realmente eles brilham muitoooo (rsrs). Como podem ver

Continuando minhas aquisições...

Uma das marcas mais encontradas no mercado é a Risqué, logo não tem como deixar
de acompanhar o que esta marca lança. Como não abro mão de usar bases antes de
esmaltar as unhas, sempre estou comprando uma base diferente das outras que tenho.
Tanto que comprei outra base niveladora prá ficar previnida prá quando a minha acabar.
As novas bases tem vindo em embalagem diferente, mas continua a mesma, ela é um
pouco mais consistente que as outras bases, por isso aquele efeito de unha lisa. No meu
caso, acho isso otimo, pois minhas unhas nem sempre ficam lisinhas (mesmo polindo).
Fazendo minha costumeira visitinha pelas lojas de cosméticos, não pude deixar de
comprar pelo menos dois esmaltes da Risqué, Coleção Tenho que Ter... Outono / Inverno
2012. Optei pelo Vermelho Fundamental (que não me parece vermelho) e pelo Violeta Chic.

Minhas aquisições

Hummm... já estava com saudades do blog, mas o tempo tava curto e não passei por
aqui nos último dias para compartilhar o que anda acontecendo no meu mundo colorido
dos esmaltes (rsrs).
Hoje eu trouxe minhas últimas aquisições.... não se trata bem de lançamentos,mas sim
do que eu inclui na minha pequena ( e futuramente grande coleção).Vou preprar um
post prá cada marca.
Começando pelos queridinhos da Revlon (sim eu tive coragem de desembolsar mais um
pouquinho e comprar dois esmaltes lindos da Revlon).
I. Revlon Red (nº 680)
II. Ocean Breeze (nº 320) - quando seca as unhas ficam com um cheirinho perfumado
O vermelho eu já usei, mas não tive como tirar fotos no dia, ficou lindooooo, prometo
fotografar da próxima vez e compartilhar aqui no blog.
Beijos e até o próximo post :)
Ana

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Casa Arrumada - Carlos Drummond de Andrade (1902-1987)


Casa arrumada é assim:
Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boaentrada de luz.Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, umcenário de novela.Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando osmóveis, afofando as almofadas...Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo:Aqui tem vida...Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleirase os enfeites brincam de trocar de lugar.Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeiçõesfartas, que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.Sofá sem mancha?Tapete sem fio puxado?Mesa sem marca de copo?Tá na cara que é casa sem festa.E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante,passaporte e vela de aniversário, tudo junto...Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.A que está sempre pronta pros amigos, filhos...Netos, pros vizinhos...E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brincaou namora a qualquer hora do dia.Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente.Arrume a sua casa todos os dias...Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela...E reconhecer nela o seu lugar.

quarta-feira, 4 de abril de 2012

 Pão Com Manteiga
                                                     
          Esta pequena história pode ser aplicada no relacionamento entre casais, entre pais e filhos, amigos, inclusive do trabalho.
          Essa é a história de um casal que todos os dias, tomava o café da manhã juntos.

          No dia de suas bodas de prata, a mulher passou a manteiga na casca do pão, pensando: "Sempre quis comer a melhor parte do pão, mas amo demais o meu marido, e por 25 anos lhe dei o miolo. Hoje quero satisfazer o meu desejo. Acho justo que eu coma o miolo pelo menos uma vez na vida." E entregou a casca para o marido, ficando com o miolo.

          Para sua surpresa, o rosto do marido abriu-se num largo sorriso e ele lhe disse:
          "Muito obrigado por este presente, meu amor! Durante 25 anos desejei comer a casca do pão, mas como você sempre gostou tanto dela, jamais ousei pedir!"


          Moral da história:
          1. Você precisa dizer claramente o que deseja, não espere que o outro adivinhe.
          2. Você pode pensar que está fazendo o melhor para o outro, mas o outro pode esperar algo totalmente diferente de você.
          3. Deixe-o falar, peça-lhe para falar e quando não entender o que o outro diz, não traduza. Peça que ele explique melhor. Enfim, saia do achismo, do eu penso que ele pensa que eu penso, se eu falar isso ele vai falar aquilo, etc.
          4. Quando descobrir o que o outro deseja de verdade, não se culpe por ter ficado 25 anos sem saber. Apenas acolha a descoberta e siga em frente. Permita-se ser feliz.
          PS: Tão simples como um pão com manteiga!